Please use this identifier to cite or link to this item: http://guaiaca.ufpel.edu.br:8080/handle/prefix/3211
metadata.dc.type: masterThesis
Title: Biometria e estratégias de seleção em progênies S1 de milho crioulo.
Other Titles: Biometry and selection strategies in S1 progenies of landrace maize
Authors: Ferrari, Maurício
metadata.dc.contributor.advisor-co1: Oliveira, Antonio Costa de
metadata.dc.description.resumo: No melhoramento genético de milho, a seleção precoce de progênies é uma etapa minuciosa e demanda critérios rigorosos do melhorista. Neste sentido, a utilização de técnicas biométricas auxilia na avaliação das constituições genéticas. Dessa forma, o objetivo deste trabalho é estimar e identificar associações fenotípicas, genéticas e de ambiente em progênies S1, assim como estimar a herdabilidade e quantificar a variância genética por meio de análises multivariadas em progênies S1 provenientes de populações crioulas de milho cultivadas na região Sul do Rio Grande do Sul. O experimento foi conduzido na área experimental do Centro de Genômica e Fitomelhoramento, da Universidade Federal de Pelotas, localizada no Centro Agropecuário da Palma, no munícipio de Capão do Leão – RS, sob as coordenadas geográficas: latitude 31°45’ S, longitude 52°29’ O, com altitude média de 13 metros. O delineamento experimental utilizado foi de blocos aumentados, com dez grupos de progênies S1, e duas testemunhas comerciais, os híbridos simples Pioneer 30F53 e Agroeste 1590, alocados em quatro repetições. As progênies S1 foram obtidas após a autofecundação de plantas aleatórias nas populações crioulas de milho. Sendo estas: Amarelão, Argentino Branco, Argentino Amarelo, Branco Roxo Índio, Branco Oito Carreiras, Caiano Rajado, Cateto Branco, Criolão e Dente de Ouro, e da variedade de polinização aberta (VPA) BRS Planalto. Em cada progênie S1 foram avaliadas 40 plantas. Os caracteres avaliados foram: Altura de Inserção da espiga (AE): Altura de Planta (AP); Diâmetro do colmo (DC): Comprimento da haste principal do pendão (CHP): Número de ramificações primárias do pendão (NRP): Número de dias para o florescimento (NDF): Comprimento da espiga (CE): Diâmetro da Espiga (DE): Massa da espiga (ME): Profundidade dos grãos (PFG). Realizou-se a análise de correlação fenotípica, genotípica e de ambiente, de parâmetros genéticos e distância genética. O comprimento da espiga possui correlação fenotípica e genética forte e positiva com a massa da espiga, e pode ser utilizado para seleção indireta de progênies S1 com maior massa de espiga, independentemente da origem de formação das progênies. Para as demais associações, as progênies S1 apresentam correlações genéticas e fenotípicas específicas tanto em sentido como em magnitude, dificultando a definição de estratégias abrangentes de seleção indireta baseada na correlação entre caracteres. As progênies S1 Caiano Rajado, Criolão, Branco Roxo Índio, BRS Planalto, Dente de Ouro, Amarelão e Branco Oito Carreiras possuem padrões de herdabilidade semelhantes para os caracteres estudados. Os caracteres profundidade de grão e altura de inserção da espiga expressam as maiores estimativas de herdabilidade no sentido amplo. As progênies S1 provenientes de populações crioulas de milho apresentam variabilidade genética para os caracteres de importância agronômicos estudados.
Abstract: In maize genetic breeding, early progeny selection is a meticulous step, and it demands rigorous criteria from the breeder. In this sense, the use of biometric techniques assists on evaluating genetic constitutions. Therefore, the aim of this work is to estimate and identify phenotypic, genetic and environmental associations in S1 progenies, as well as to estimate heritability and to quantify the genetic variance through multivariate analyzes of S1 progenies from landrace maize populations grown in southern Rio Grande do Sul. The experiment was conducted at the experimental area of the Center of Genomics and plant breeding of the Federal University of Pelotas, located in the Palma Agricultural Center, city of Capão do Leão-RS, with geographic coordinates: 31°45’ S latitude, 52°29’ O longitude, and average altitude of 13 meters. The experimental design used was augmented blocks with ten S1 progeny groups and two commercial controls, the single cross hybrids Pioneer 30F53 and Agroeste 1590, allocated in four repetitions. The S1 progenies were obtained after self-fertilization of random plants in the landrace maize populations. Being these: Amarelão, Argentino Branco, Argentino Amarelo, Branco Roxo Índio, Branco Oito Carreiras, Caiano Rajado, Cateto Branco, Criolão and Dente de Ouro, and the open pollinated variety (OPV) BRS Planalto. 40 plants were evaluated in each S1 progeny. The evaluated characters were: Spike Insertion Height (SH); Plant Height (PH); Stem Diameter (SD), Main Tassel Stem Length (TSL); Number of Primary Ramifications of the Tassel (NPR); Number of Days for Flowering (NDF); Spike Length (SL); Spike Diameter (SD); Spike Mass (SM); Grains Depth (GD). The analysis of phenotypic, genotypic and environmental correlation of genetic parameters and genetic distance was performed. Spike length presented a strong and positive genetic and phenotypic correlation with spike mass, and may be used for indirect selection of greater spike mass S1 progenies, regardless the progeny origin. For the other associations, S1 progenies present specific genetic and phenotypic correlations in both sense and magnitude, making it difficult to define indirect selection strategies based on correlation between characters. The S1 progenies Caiano Rajado, Criolão, Branco Roxo Índio, BRS Planalto, Dente de Ouro, Amarelão and Branco Oito Carreiras present similar heritability patterns for the characters in study. The characters grain depth and spike insertion height express the largest estimates of heritability in the broad sense. The S1 progenies from landrace maize populations present genetic variability for the agronomic traits studied.
Keywords: Zea mays L.
Variância genética
Parâmetros genéticos
Correlação genética
Distância genética
Genetic parameters
Genetic variance
Genetic correlation
Genetic distance
metadata.dc.subject.cnpq: CNPQ::CIENCIAS AGRARIAS::AGRONOMIA
metadata.dc.language: por
metadata.dc.publisher.country: Brasil
Publisher: Universidade Federal de Pelotas
metadata.dc.publisher.initials: UFPel
metadata.dc.publisher.department: Faculdade de Agronomia Eliseu Maciel
metadata.dc.publisher.program: Programa de Pós-Graduação em Agronomia
Citation: FERRARI, MAURICIO. Biometria e estratégias de seleção em progênies S1 de milho crioulo. 2017, 109 f. Dissertação (Mestrado) – Programa de Pós-Graduação em Agronomia. Universidade Federal de Pelotas, Pelotas/RS.
metadata.dc.rights: OpenAccess
URI: http://repositorio.ufpel.edu.br:8080/handle/prefix/3211
Issue Date: 7-Feb-2017
Appears in Collections:PPGA: Dissertações e Teses

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
Dissertação_Mauricio_Ferrari.pdf1,28 MBAdobe PDFView/Open


This item is licensed under a Creative Commons License Creative Commons