Please use this identifier to cite or link to this item: http://guaiaca.ufpel.edu.br:8080/handle/123456789/1191
metadata.dc.type: masterThesis
Title: Estaquia e enxertia de garfagem em oliveira.
Other Titles: Cuttings and whip grafting in olive.
Authors: Ribeiro, Fabrício Carlotto
metadata.dc.contributor.advisor-co1: Herter, Flávio Gilberto
metadata.dc.description.resumo: O Brasil apresenta amplo mercado consumidor para os produtos derivados da oliveira (Olea europaea L.), porém, esta nova cultura, necessita de maiores conhecimentos técnicos. Assim, a determinação de um método de propagação eficiente é o primeiro passo na obtenção de quantidades de mudas suficientes para a implantação de um sistema de produção. Em conseqüência da falta de informações que envolvem a propagação de oliveira, principalmente no Brasil, realizou-se o presente trabalho com o objetivo de melhorar a eficiência da propagação vegetativa por enraizamento de estacas semilenhosas e enxertia de garfagem. Foram conduzidos na Embrapa Clima Temperado, Pelotas/RS, três experimentos, sendo o primeiro para obter informações sobre o potencial de diferentes substratos (Perlita, Vermiculita e Plantmax) para promover o enraizamento de estacas de oliveira Frantoio‟. Avaliou-se o enraizamento de estacas (%) e/ou formação de calo (%) e qualidade de enraizamento (quantidade de raízes emitidas). No segundo experimento objetivou-se avaliar o enraizamento de estacas semilenhosas de oliveiras Arbequina‟ e Arbosana‟ submetidas a diferentes fontes e concentrações de auxina exógena (0mg.L-1, AIB 2000mg.L-1, AIB 4000mg.L-1, ANA 250mg.L-1 e ANA 500mg.L-1). Também avaliou-se o enraizamento de estacas (%) e/ou formação de calo (%) e qualidade de enraizamento (quantidade de raízes emitidas). O terceiro teve-se como objetivo, avaliar o comportamento de diferentes cultivares de oliveira (Itrana, Tanche, Bosana, Barnea, Manzanilla, Seggianese, Canino, Picual, Taggiasca e Cipressino) enxertadas sobre ligustro, sendo avaliados os enxertos vivos (%), enxertos brotados (%), número médio de brotações e o comprimento médio das brotações (cm). Através dos resultados obtidos verificou-se que: no primeiro experimento, o tipo de substrato, associado ao uso de AIB (2000mg.L-1), não tem influência sobre a quantidade de raízes formadas em estacas semilenhosas de oliveira Frantoio‟. No segundo experimento, indiferentemente da fonte e da concentração de auxina exógena, estacas de oliveiras Arbequina‟ e Arbosana‟ atingem, no máximo, 18,64% de enraizamento; Estacas enraizadas de oliveira Arbequina‟ e Arbosana‟, não tratadas e tratadas com ácido indolbutírico (AIB) e ácido naftalenoacético (ANA), apresentaram baixa qualidade de enraizamento, (entre uma e quatro raízes principais). No terceiro experimento, verificou-se que na enxertia de garfagem de oliveira sobre ligustro, existem consideráveis variações entre enxertos vivos (enxertos que permanecem verdes, porém sem apresentar brotação), pegamento de enxertos (enxertos que apresentam brotações e união entre enxerto/porta-enxerto), número e comprimento médio das ii brotações. O maior pegamento e número médio de brotações por enxerto de oliveira sobre ligustro, ocorrem após 120 dias de realização da enxertia.
Abstract: Brazil has a large consumer market for olive-derived products (Olea europaea L.); however, this new culture requires further technical investigation. Therefore, the determination of an efficient method of propagation is the first step in obtaining sufficient amount of plants for the establishment of a sustainable production system. Due to the lack of information surrounding the olive propagation, especially in Brazil, the present work aimed to improve the efficiency of the vegetative propagation by rooting of semi-hardwood cuttings and whip grafting. The trial was carried out at Embrapa Clima Temperado, Pelotas/RS, and it was divided into three experiments. The first one aimed to obtain information about performance of different substrates (Perlite, Vermiculite and Plantmax) to promote rooting of olive 'Frantoio'. It was evaluated the rooting of cuttings (%) and/or callus formation (%) and quality of rooting (root amount grown). The second experiment aimed to evaluate the rooting of semi-hardwood cutting of Olives 'Arbequina' and 'Arbosana' submitted to different sources and concentrations of auxin (0mg.L-1, IBA 2000mg.L-1, IBA 4000mg.L-1, NAA 250mg.L-1 and NAA 500mg.L-1). Also, it was evaluated the rooting of cuttings (%) and/or callus formation (%) and quality of rooting (root amount grown). The third batch assessed the behavior of different olive cultivars (Itrana, Tanche, Bosana, Barnea, Manzanilla, Seggianese, Canino, Picual, Taggiasca and Cipressino) grafted on privet. The measurements here were living grafts (%), shooting grafts (%), number of shoots and length of shoots (cm). It was verified that: in the first experiment the substrate associated with the use of IBA (2000mg.L-1), has no influence on the amount and quality of roots formed on semi-hardwood cuttings of olive 'Frantoio'. In the second experiment, olive cuttings of 'Arbequina' and 'Arbosana' reached up to 18.64% of rooting, indifferently of auxin source and concentration. Rooted cuttings of olive 'Arbequina' and 'Arbosana', untreated and treated with butyric acid (IBA) and naphthaleneacetic acid (NAA), showed low quality of rooting (around one to four main roots). In the third experiment, regarding whip grafting of olive grafts on privet tree, there are considerable variations among living grafts (grafts that remain green but without shooting), grafting set (grafts that show shoots and union between scion/rootstock), number and average length of shoots. The highest grafting set rates and number of shoots per olive graft on privet, occur after 120 days of grafting.
Keywords: Olea europaea
Propagação
Auxina
Estacas
Enxertos
Olea europaea
Propagation
Auxin
Cuttings
Grafts
metadata.dc.subject.cnpq: CNPQ::CIENCIAS AGRARIAS::AGRONOMIA
metadata.dc.language: por
metadata.dc.publisher.country: BR
Publisher: Universidade Federal de Pelotas
metadata.dc.publisher.initials: UFPel
metadata.dc.publisher.department: Faculdade de Agronomia Eliseu Maciel
metadata.dc.publisher.program: Programa de Pós-Graduação em Agronomia
Citation: RIBEIRO, Fabrício Carlotto. Cuttings and whip grafting in olive.. 2010. 63 f. Dissertação (Mestrado em Agronomia) - Universidade Federal de Pelotas, Pelotas, 2010.
metadata.dc.rights: OpenAccess
URI: http://hdl.handle.net/123456789/1191
Issue Date: 26-Mar-2010
Appears in Collections:PPGA: Dissertações e Teses

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
Dissertacao_Fabricio_Carlotto_Ribeiro.pdf674,22 kBAdobe PDFThumbnail
View/Open


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.