Use este identificador para citar ou linkar para este item: http://repositorio.ufpel.edu.br:8080/handle/123456789/1335
Tipo: masterThesis
Título: Efeitos da temperatura na secagem e da umidade relativa no armazenamento sobre a qualidade de grãos e óleo de canola para biocombustível.
Título(s) alternativo(s): Effects of drying temperature and relative humidity in storage on the quality of grains and canola oil for biofuel
Autor(es): Zeni, Diego Batista
Resumo: A armazenagem de grãos por períodos mais longos, principalmente os que contém alto teor de óleos para a fabricação de biocombustível, gerou uma maior dificuldade da cadeia produtiva na etapa de pós-colheita, onde há poucos dados referentes a secagem e armazenamento de grãos oleaginosos com manutenção de suas características tecnológicas. Objetivou-se, com o trabalho, estudar nos grãos de canola os efeitos da temperatura na massa de grãos secados as temperaturas de 20-25, 35-40, 55-60 e 75-80°C, armazenados por períodos de 1, 100, 200 e 300 dias, em ambientes com umidade relativa do ar de 55 a 65% e 75 a 85% e temperatura controlada de 21±3°C. Foram analisados umidade, massa volumétrica e teor de óleo dos grãos e também índices de acidez, peróxidos, saponificação e iodo do óleo dos grãos de canola armazenados e submetidos análise de variância (ANOVA) dos dados, pelo teste de Tukey (P<0,05). Conclui-se que: A) a temperatura de secagem na massa de grãos provoca mais danos latentes do que imediatos nos grãos. B) A umidade relativa do ar no ambiente de armazenamento altera a umidade de equilíbrio dos grãos, a massa específica, o teor de óleo e a estabilidade hidrolítica e oxidatíva. C) O tempo de armazenamento é mais influente na estabilidade do óleo dos grãos em secagens com temperaturas de massa superiores a 40ºC e armazenamento em ambiente com umidade relativa do ar superior a 70%. D) Secagens com temperatura de massa superior a 60ºC só possibilitam estabilidade do óleo dos grãos em armazenamentos com umidade menor que 70% e até 200 dias.
Abstract: The storage of grain for longer periods, especially those containing high content of oil to manufacture biodiesel, generated a major difficulty of the production chain in the stage of post-harvest, where there are few data on drying and storage of oilseeds with maintaining their technological characteristics. The aim of the work, we study the effects of canola grain temperature in grains dried at temperatures of 20- 25, 35-40, 55-60 and 75-80°C, were stored for periods of 1, 100, 200 and 300 days in both environments with relative humidity 55-65% and 75-85%, and temperature controlled of 21±3°C. Were analyzed moisture, bulk density and oil content of grains and also its acidity, peroxide value, saponification and iodine oil canola grain stored subjected analysis of variance (ANOVA) of data, by Tukey test (P<0,05). We conclude that: A) the drying temperature in grains causes more damage than immediate dormant grains. B) the relative humidity in the storage environment alters the equilibrium moisture content of grain density, oil content and hydrolytic and oxidative stability. C) the storage time is more important in the stability of oil in the grain mass during drying temperatures above 40°C and storage environment with relative humidity above 70%. D) drying temperature with a mass greater than 60ºC only allow oil stability of grain in storage with humidity below 70% and up to 200 days.
Palavras-chave: Brassica napus L.
Propriedades físico-químicas
Conservação de oleaginosas
Physicochemical properties
Conservation of oilseed
CNPq: CNPQ::CIENCIAS AGRARIAS::CIENCIA E TECNOLOGIA DE ALIMENTOS::TECNOLOGIA DE ALIMENTOS
Idioma: por
País: BR
Editor: Universidade Federal de Pelotas
Sigla da Instituição: UFPel
metadata.dc.publisher.department: Faculdade de Agronomia Eliseu Maciel
metadata.dc.publisher.program: Programa de Pós-Graduação em Ciência e Tecnologia Agroindustrial
Citação: ZENI, Diego Batista. Effects of drying temperature and relative humidity in storage on the quality of grains and canola oil for biofuel. 2010. 58 f. Dissertação (Mestrado em Agronomia) - Universidade Federal de Pelotas, Pelotas, 2010.
Tipo de Acesso: OpenAccess
URI: http://hdl.handle.net/123456789/1335
Data do documento: 30-Jun-2010
Aparece nas coleções:Pós-Graduação em Ciência e Tecnologia Agroindustrial: Dissertações e Teses

Arquivos associados a este item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
Dissertacao_Diego_Batista_Zeni.pdf357,9 kBAdobe PDFThumbnail
Visualizar/Abrir


Os itens no repositório estão protegidos por copyright, com todos os direitos reservados, salvo quando é indicado o contrário.